Um Sonho

Deveria haver na Terra algum lugar que nenhum país reivindique como sendo exclusivamente seu, em que todos os seres humanos de boa vontade, tendo uma aspiração sincera, poderiam viver livremente como cidadãos do mundo e obedeceriam a uma única autoridade, a da Verdade suprema; um lugar de paz, concórdia e harmonia, em que todos os instintos combativos do homem seriam utilizados unicamente para vencer as causas de seus sofrimentos e misérias, para superar suas fraquezas e ignorâncias, para triunfar sobre suas limitações e incapacidades; um lugar em que as necessidades do espírito e o interesse pelo progresso teriam precedência sobre a satisfação dos desejos e paixões, a busca do prazer e o gozo material.

Neste lugar, as crianças poderiam crescer e desenvolver-se integralmente, sem perderem contato com suas almas; a educação seria ministrada não para passar em exames ou obter certificados e colocações, mas para enriquecer as faculdades existentes e despertar outras. Neste lugar, os títulos e posições seriam substituídos por oportunidades de servir e organizar; as necessidades físicas seriam satisfeitas de uma forma igual para todos, e a superioridade intelectual, moral e espiritual seria expressa na organização geral, não para o aumento de prazeres e poderes, mas por um acréscimo de deveres e responsabilidades.

A beleza, em todas suas formas artísticas – a pintura, a escultura, a música, a literatura – seria acessível a todos igualmente; a possibilidade de participar da alegria que isto causa só seria limitada pelas capacidades de cada um e não pela posição social ou situação financeira.Pois, neste lugar ideal, o dinheiro não seria o senhor todo poderoso; a riqueza do individuo teria um valor muito maior que a riqueza material e a posição social. Lá, o trabalho não seria uma maneira de ganhar o sustento, mas uma forma de cada um poder expressar-se e desenvolver suas capacidades e possibilidades e, ao mesmo tempo, servir à comunidade como um todo, que, por seu turno, propiciaria a cada um seus meios de subsistência e sua esfera de ação.

Em suma, seria um lugar no qual as relações humanas, que normalmente se baseiam quase que exclusivamente na competição e na luta, seriam substituídas por relações de emulação no fazer o melhor, na colaboração e na verdadeira fraternidade.

MÃE